Ouro do Brasil nos Jogos Pan-Americanos tem participação de ginasta ligada à Udesc de Coqueiros

Uma jovem atleta que integra a equipe de ginástica rítmica vinculada à Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) ajudou o Brasil a conquistar a medalha de ouro da modalidade nos Jogos Pan-Americanos Lima 2019, disputado no Peru. Beatriz Linhares da Silva foi uma das cinco representantes do País que conquistou o primeiro lugar na prova por equipes de três arcos e dois pares de maças, realizada nesta segunda-feira, 5.

Além de Beatriz, o quinteto brasileiro foi formado pelas atletas Déborah Madrado, Camila Rossi, Nicole Pircio e Vitoria Guerra. A medalha de prata na disputa ficou com o México e o bronze com Cuba.

O time nacional também conquistou uma prata e três bronzes, sendo que duas medalhas de bronze – no conjunto geral e no conjunto cinco bolas – tiveram participação da catarinense.

A prova vencida pelas brasileiras encerrou as disputas da modalidade nos jogos de Lima, iniciadas na última secta-feira, 2. A equipe nacional buscará a classificação para as próximas olimpíadas no Mundial de Baku, no Azerbaijão, em setembro, e no Campeonato Pan-Americano de 2020.

Parceria com a UDESC de Coqueiros

Natural de Florianópolis, Beatriz tem 16 anos e treina na equipe da capital catarinense, que é resultado da parceria entre o Centro de Ciências da Saúde e do Esporte (Cefid), da Udesc, a Associação Desportiva do Instituto Estadual de Educação (Adiee) e a Fundação Municipal de Esportes de Florianópolis (FME).

Na Udesc Cefid, a parceria é desenvolvida por meio do projeto de extensão  Aperfeiçoamento em Ginástica Rítmica, vinculado ao programa Núcleo de Estudos da Ginástica e coordenado pela professora Maria Helena Kraeski, treinadora da equipe.

O projeto oferece gratuitamente aulas de iniciação e aperfeiçoamento em ginástica rítmica a crianças e adolescentes da comunidade, ajudando a revelar novos talentos e a formar atletas.

Além de Beatriz, a equipe Adiee/Udesc Cefid/FME formou nomes como a florianopolitana Luisa Matsuo, seis vezes ouro em Pans, e a também medalhista Bianca Maia Mendonça. 

Saiba mais sobre a equipe pela página no Facebook.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Udesc

O Viva Coqueiros adoraria receber o seu comentário