Reunião do Conselho de Segurança de Coqueiros será nesta terça-feira

Reunião Conselho Segurança Coqueiros Florianópolis
Foto divulgação Conseg

A diretoria do Conselho de Segurança de Coqueiros (Conseg 31) convida os moradores e comerciantes dos bairros de Coqueiros, Itaguaçu, Bom Abrigo e Abraão para participarem da sua reunião mensal, nessa terça-feira (31).

Continue lendo “Reunião do Conselho de Segurança de Coqueiros será nesta terça-feira”

Comunidade opina sobre os semáforos instalados em Coqueiros

Trânsito Coqueiros Florianopolis

Após um mês da instalação dos semáforos nas avenidas Max de Souza e Tamandaré, no bairro de Coqueiros, em Florianópolis, fizemos uma enquete com os motoristas e pedestres.  Nosso objetivo era o de analisar o resultado da instalação, e o grau de satisfação ou insatisfação dos que utilizam as avenidas como motoristas ou como pedestres. A enquete foi realizada no próprio local. Quando o semáforo fechava, perguntávamos aos motoristas as suas opiniões sobre os pontos fortes e fracos da instalação dos semáforos. Aos pedestre que esperavam para atravessar alguma das avenidas, realizamos a mesma enquete, sobre os mesmos pontos. Continue lendo “Comunidade opina sobre os semáforos instalados em Coqueiros”

Dia Mundial em memória às vítimas de trânsito

Parque de Coqueiros terá ações e homenagens às vítimas de trânsito

Dia mundial em memória às vítimas de trânsito em Florianópolis

O Parque de Coqueiros, em Florianópolis, recebe o Dia Mundial em memória às vítimas de trânsito, com atividades e reflexões. O evento será nesse domingo (15), das 9h às 12h, com o lançamento de um painel em que familiares e amigos serão convidados a escrever homenagens. Continue lendo “Dia Mundial em memória às vítimas de trânsito”

Semáforos da Max de Souza e Tamandaré são ativados

semaforo-coqueiros-florianopolis
Foto: www.vivacoqueiros.com

Finalmente, quem transita pelo bairro de Coqueiros, em Florianópolis, poderá ficar mais tranquilo quanto à segurança no trânsito. Os semáforos do cruzamento entre as Avenidas Max de Souza e Almirante Tamandaré – uma reivindicação antiga da comunidade – foram testados e ativados neste final de semana.

Continue lendo “Semáforos da Max de Souza e Tamandaré são ativados”

Instalação de semáforos entre a Max de Souza e Tamandaré

Instalação de sinaleira no bairro de Coqueiros
Foto: www.vivacoqueiros.com

Cruzamento mais perigoso do bairro de Coqueiros ganha semáforos

Iniciou nessa segunda (28) a instalação da sinaleira entre as Avenidas Max de Souza e Almirante Tamandaré, no bairro de Coqueiros, em Florianópolis. Continue lendo “Instalação de semáforos entre a Max de Souza e Tamandaré”

Coqueiros exige transporte público de qualidade

Por Dalton Malucelli Jr. *

A expectativa é de mais uma greve do transporte público e estamos nós, moradores de Coqueiros e de Florianópolis, reféns deste processo infindável.

Motoristas e cobradores realizam assembleias em Florianópolis. Em reuniões na manhã e tarde de terça, 19/05/2015, categoria aprovou estado de greve. Outra assembleia do Sintraturb foi realizada na noite do mesmo dia.

Muito bem. Mais uma vez a história se repete. Continue lendo “Coqueiros exige transporte público de qualidade”

Trânsito em Coqueiros: asfalto novo, bom senso e educação

Por Dalton Malucelli Jr. *

Oba, asfalto novo no bairro de Coqueiros, em Florianópolis! Zummm,zummm,zap,crichhhhh! Plaft, pluft… chama o SAMU….atropelaram um aqui…. Crichhhhh! Plaft, pluft mais outro ali. Temos novidades, uma boa para nossos automóveis que estavam sofrendo com um asfalto pra lá de remendado, uma agonia mas, tirando as críticas, não há como dizer que ficou pior do que estava.

Acidente Coqueiros Florianópolis

 

Espero sinceramente que o trecho Itaguaçu – Abraão seja contemplado com essa belezura. Tenho certeza de que não ficaremos de lado, afinal não se faz um serviço pela metade. Coqueiros é um conjunto de praias: vai do Saco da Lama até o Abraão, somos um só time, mas esse é papo para outras mesas. Nessa, hoje, quero chamar atenção para os insandecidos, mal educados, desafiadores, motoristas e pedestres que travam uma batalha nas ruas de Coqueiros.

Voltemos aos pluft, plaft, zummm… crash.., pois está lá o corpo estendido no chão. O povo junta e a opinião rola solta. – Culpa do governo, crava Dona Maria. – Da prefeitura, decreta o motoqueiro. – Sei não, acho que é da polícia, arrisca o homem encostado no muro.Mas vejamos as câmeras de segurança, o que gravaram nos últimos meses? Opa, rapidinho já existem algumas verdades: se de um lado temos um caçador louco por abater uma presa, do outro, um atrevido mico leão que debocha e testa a pontaria do predador.

Travadas diariamente com pretensos vencedores e vencidos, estas disputas agonísticas na verdade resultam dois perdedores, fruto de uma população estressada pelos problemas e pressões do dia dia, mas acima de tudo indivíduos mal educados e egoístas, que não admitem dividir o espaço público com seus semelhantes.

– “É meu, sou eu, eu primeiro, sai pra lá…”. Hoje o que acontece na prática nesta relação é um pedestre kamikase e um motorista Barão Vermelho. O primeiro joga-se sobre os carros, achando que aquele, em qualquer circunstancia, irá parar. O segundo ou freia sem nenhum aviso, causando colisões, ou ignora tal sinalização. Resultado: confusão, atropelamentos e mortes. – Ah, mas o motorista não para, grita um… Calma, além dos apressadinhos há de se ressaltar que por estar em espaço reduzido, campo de visão limitado, pedestres afoitos ou até não querendo provocar uma colisão traseira, algumas vezes parar é sinônimo de acidentes. Nesses casos, eu diminuo a velocidade e levanto a mão num gesto de – “O meu chapa, não deu, desculpa aí”.

—> Quem é daqui faz assim: faixa de pedestres

Mas são situações que acontecem e cabe ao condutor avaliar cada caso. Sempre pensando na segurança dos envolvidos. A verdade é que na grande maioria das vezes, com um pouco de vontade, com um olhar mais cooperativo e, principalmente, não enfiando o pé no acelerador, é possível ver um pedestre ávido por atravessar, daí seguindo as normas de segurança, sinalizando e, junto a uma boa dose de bom senso, podemos parar e dar passagem.

Pedestres Coqueiros Florianopolis
Alerta máximo com os horários de saída e entrada dos alunos das escolas

 

Aliás, lembrei, essa é uma boa hora para usar o pisca alerta já que aquele outro, como chama? Ah, o pisca–pisca, bom, este coitado vive esquecido, ninguém usa. Na real, neste mundo de manuais, decorá-los é desnecessário, basta seguir um conselho bem antigo: “Faça aos outros o que gostaria que fizessem por ti”, ou esquece que além de condutor é também um pedestre ou vice versa .Na real, se é vice ou versa, depende do preço da gasolina, já que nossos serviços de transportes coletivos são pouco atrativos. Os que chacoalham feito gado e dão um passinho atrás na lata de sardinha que o digam.

Faixa de Pedestres Coqueiros Florianópolis

Bom, onde eu estava? Sei, no assunto consideração. Pois bem, então, se deseja gentileza e consideração porque não oferecê-las? Tente e vai ver que elas retornam rapidinho. Mas esteja preparado, pois algumas pessoas vão se assustar, vão achar trata-se de um candidato a cargo eletivo, afinal não estão acostumadas, mas tudo é questão de tempo.

O pedestre pode retribuir o gesto de boa vontade com paciência e atenção, dando passagem aos motorizados e não se lançando, irresponsavelmente, sobre a faixa de pedestres. Tudo é uma questão de troca que pode começar com um agradecimento, um leve aceno ao motorista que parou seu veículo, um gesto que tem que ser encarado, não como lei, mas como espontaneidade. Um  – “Valeu, obrigado”.

Outro fator a ser compreendido são as características urbanísticas de Florianópolis, Aqui não é Brasília, nossas quadras são pequenas, o que faz com que a cada 50 metros tenhamos uma faixa. Estas, por sua vez, travam o fluxo de veículos nas regiões centrais e exigem maior atenção e cooperação entre as partes. Na real, é um para e anda que, confesso, dá vontade de largar o carro no meio da rua. Agora tem outra, por favor, faixa de segurança não é passarela para desfile. Também não precisa correr 100 metros livre, pode caminhar normal em Coqueiros, mas a passos de tartaruga soa como um deboche e falta de respeito e, consequente, de educação. Uma falha tão grave quanto aquele motorista que você xingou ao vê-lo se negar parar pra você passar. Depois, não adianta ficar exigindo respeito. Gentileza gera gentileza, uma via de mão dupla. Ia esquecendo, temos uma prática muito popular, tipo roleta russa: atravessar as ruas transversais (as esquinas) sem olhar se o automóvel vai dobrar: o pedestre vem pela calçada e segue em frente. Olhe para os dois lados e, não vindo ninguém, atravesse a rua. Tem mais uma coisa:  nunca esqueça de se mostrar aos motoristas um  “Olha, eu tô aqui!”. Lembre-se de que o para choque do carro é mais duro que sua cabeça e vai perder todas se quiser bater de frente.

transito-coqueiros-bairro
Carro estacionado na calçada, roubando o local de passagem dos pedestres

 

Quanto aos motoristas que reclamam de lombadas e redutores de velocidade é bom que eu traduza: redutor de velocidade significa reduzir a velocidade, entendeu? É um artifício para fazer você andar mais devagar, estão dizendo: “O meu chapa, vai mais devagar, aqui não é pista de corrida, tem pessoas por perto, pode matar uma delas”. Agora, se andasse no limite de velocidade, menor seria o número de lombadas e chegaria mais rápido. E já pararam para pensar que se fossemos conscientes e respeitosos simples faixas pintadas no chão e placas de alertas seriam suficientes para vivermos em paz no trânsito? Pensa só, não teríamos os redutores de velocidade, não ficaríamos naquela angústia de ver no painel qual é a velocidade marcada, não bateríamos com a cabeça no teto ao esquecer e passar sobre uma lombada. Iriam ser várias aporrinhações a menos e dirigir seria mais prazeroso. Aliás, hoje meu prazer é zero. É isso, vamos aproveitar enquanto temos uma pista de rolamento legal e sem a buraqueira das concessionárias água, luz e outros, além das construtoras pois, acredite, elas virão. Por essas bandas é assim: um faz, quatro desfazem, e segue o velório. Mas, devagar motorista, senão o morto fica na primeira lombada e o outro na faixa. Até a próxima!  Grande abraço a todos e fiquem bem.


Dalton Malucelli Jr.

* Dalton Heros Malucelli Jr 53 anos, morador do Bairro do Bom Abrigo desde 1970, com 7 anos de idade onde estou aqui, firme. Cursei Engenharia Agronômica, tive 15 anos de lojas de calçados e há uns 10 anos atuo na construção civil. Mas, pra falar a verdade, não estou muito interessado em mostrar meu currículo, me defino como cidadão florianopolitano, morador do Bairro de Coqueiros, em Florianópolis, mais especificamente na praia do Bom Abrigo. Sou um cidadão como outro qualquer, que busca cumprir seus deveres, mas exige seus direitos. Não sou e nem pretendo ser dono da verdade, mas o que escrevo é fruto das minhas experiências, e acredito que de muitos vizinhos já que viveram uma realidade comum. A grande questão está na maneira que cada um enxerga essa realidade, e a sua visão de solução é o que muitas vezes provoca discórdias, mas, acredito, se o objetivo for o bem comum, não existem barreiras. Portanto, não espero ser unanimidade, seria pretensão demais, mas criar a discussão, chamar a atenção para certos eventos, ser um elemento ativo na busca de soluções é dever do cidadão. Abraços a todos.

Viva Coqueiros! Por inteiro.

Florianópolis, Santa Catarina.

Siga o blog do Viva Coqueiros e receba, em primeira mão, as matérias publicadas aqui.

É permitida a reprodução total ou parcial deste conteúdo desde que preservada a fonte: http://www.vivacoqueiros.com

Entrevista com o Secretário de Obras de Florianópolis sobre a ciclovia de Coqueiros

Entrevista com Rafael Hahne, Secretário de Obras de Florianópolis, concedida à Beatriz Kauduinski Cardoso, sobre a questão polêmica que está mobilizando a comunidade do bairro de Coqueiros: ciclofaixa aos domingos X ciclovia definitiva.

Rafael Hahne - Secretário de Obras de Florianópolis
Rafael Hahne – Secretário de Obras de Florianópolis
  • Qual a idéia da Secretaria de obras a respeito da ciclovia de Coqueiros? É real a intenção de transformar a ciclofaixa de domingo em permanente?

Rafael Hahne: Uma ciclovia em coqueiros é uma necessidade real e está no planejamento da Sec de Obras. Nesse momento, é necessária uma discussão mais ampla com a comunidade. Então, está sendo executada a sinalização da via como ciclovia de domingo, modelo já consolidado. E, ainda no mês de abril, iremos promover uma reunião comunitária para analisar especificamente a implantação da ciclovia de forma definitiva no futuro.

 

  • Quais os objetivos que a Secretaria pretende atingir com esta modificação?

Rafael Hahne: As vias de Coqueiros se tornaram uma alternativa de trânsito, gerando um alto fluxo de veículos. O objetivo da ciclovia é garantir um modelo de transporte alternativo para os moradores da região e uma conexão a ilha e a beira mar continental de bicicleta. No primeiro momento poderíamos ter dificuldades, mas o trânsito iria se ajustar naturalmente, como já ocorreu em outras vias da cidade. Essa é a discussão que queremos realizar. O modelo de cada vez mais espaço para os automóveis está ultrapassado e temos que inverter essa lógica.

Ciclovia de Coqueiros em Florianopolis

 

  • Quais os requisitos que precisam ser superados para a implantação da ciclovia permanente?

Rafael Hahne: Temos dificuldade com as interferências urbanas no próprio trecho da ciclovia e também a necessidade de viabilizar uma melhor conexão com a ilha pela ponte.

Veja aqui como começou a polêmica:Faixas de pedestres começam a ser pintadas nas avenidas principais de Coqueiros
  • Como a Secretaria pretende ouvir a comunidade? A decisão da ciclovia é definitiva?

Rafael Hahne: A ciclovia será sinalizada como de domingo, pois já está consolidada . A discussão com a comunidade está programada para acontecer em abril, com a participação da Obras, IPUF, Continente, Mobilidade e Guarda Municipal.

Ciclovia de Coqueiros em Florianópolis

  • Que outras obras a Secretaria de Obras tem planejadas para a região de Coqueiros?

Rafael Hahne: Não apenas em Coqueiros, a Secretaria de Obras trabalha nos projetos de uma série de melhorias no trânsito da região continental. Está em obras a Repavimentação da Santos Saraiva e inicia na próxima semana a Revitalização completa da Avenida Ivo Silveira.

Veja aqui a matéria polêmica:Polêmica em Coqueiros: ciclofaixa aos domingos X ciclovia definitiva
  • Que mensagem final gostaria de deixar para os leitores do blog Viva Coqueiros?

 

Rafael Hahne: A mensagem é que “não podemos continuar fazendo a mesmas coisas e esperar resultados diferentes”. A proposta de uma ciclovia definitiva em coqueiros tem o grande objetivo de resgatar ao bairro a característica de convivência, diminuindo espaços para os veículos, promovendo espaços para as pessoas, tentando realmente transformar Florianópolis em uma cidade cada vez melhor de se viver.


 

Participe! Dê a sua opinião!

Viva Coqueiros! Por inteiro.

Florianópolis, Santa Catarina.


 

Curta nossa página no Facebook

Siga o blog do Viva Coqueiros e receba, em primeira mão, as matérias publicadas aqui.

É permitida a reprodução total ou parcial deste conteúdo desde que preservada a fonte e seu link seja ativo: http://www.vivacoqueiros.com

 

Polêmica em Coqueiros: ciclofaixa aos domingos X ciclovia definitiva

Os moradores do bairro de Coqueiros, em Florianópolis, acordaram hoje com a pintura da linha vermelha que divide as pistas das avenidas principais, as que cruzam o bairro em sua extensão.

Ciclovia Coqueiros Florianópolis

 


Contra a ciclovia definitiva em Coqueiros

De um lado, estão os moradores que não são favoráveis a implantação de uma ciclovia definitiva, aberta todos os dias da semana, 24h, pois Coqueiros já enfrenta engarrafamentos constantes.

Engarrafamento em Coqueiros


A favor da ciclovia definitiva em Coqueiros

De outro lado, estão os moradores que justificam que a ciclovia definitiva desafogará o trânsito, fazendo com que as pessoas deixem os carros nas garagens e adquiram o hábito de andar de bicicletas.

ciclofaixa_coqueiros_floripa

A Pró-Coqueiros informou que solicitou uma reunião com a Secretaria Municipal do Continente para discutir a melhor solução para esse caso, mas o encontro ainda não tem data marcada.

Enquanto isso, conversamos com alguns moradores, hoje pela manhã, e a pergunta de todos era: Coqueiros continuará com a ciclofaixa somente aos domingos, ou terá uma ciclovia definitiva?

Ciclovia X Ciclofaixa em Coqueiros Florianópolis

 

Convocamos os moradores para comentar aqui no blog sobre o assunto: você é a favor de que seja implementada uma ciclovia definitiva, ou é melhor que Coqueiros continue somente com a ciclofaixa aos domingos?

Participe! Dê a sua opinião!

Viva Coqueiros! Por inteiro.

Florianópolis, Santa Catarina.

Curta nossa página no Facebook

Siga o blog do Viva Coqueiros e receba, em primeira mão, as matérias publicadas aqui.

É permitida a reprodução total ou parcial deste conteúdo desde que preservada a fonte e seu link seja ativo: http://www.vivacoqueiros.com

Semáforos sem sincronização causam acidente em Coqueiros

Dia 28/01 às 16h58: recebemos a informação de uma moradora, sobre a falta de sincronização dos semáforos localizados na Avenida Max de Souza, em Coqueiros, no bairro de Florianópolis.

Semáforo sem sincronização causa acidente Coqueiros Florianopolis

Dia 28/01, as 17h02 (4 minutos após a mensagem acima), recebemos a mensagem do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina:

Semáforo sem sincronização causa acidente em Coqueiros Florianopolis

O vídeo que você verá mostra exatamente o problema que os motoristas, acostumados com a sincronização dos semáforos, estão sofrendo, e os riscos de acidentes que isso está causando.

Veja que quando o primeiro sinal abre, o outro, mais distante, teria que abrir em seguida. Hoje isso não está acontecendo: o primeiro sinal abre e o outro está fechado. Os motoristas, acostumados com a sincronização, aceleram para passar o outro sinal também. O vídeo mostra uma moto que passa o primeiro sinal (aberto) e segue, sem parar, no segundo sinal (fechado).

No dia 15/08/2013, já havíamos registrado um acidente, causado pelo mesmo problema. O ônibus avança o sinal, pela falta de sincronização, e bate em um carro, que é amassado por um poste de ferro.

Semáforo sem sincronização acidente em Coqueiros Florianopolis
Foto Viva Coqueiros

Após solicitação, aguardamos que a sincronização dos semáforos seja realizada o quanto antes, para que evite mais acidentes aqui em Coqueiros.

Viva Coqueiros! Por inteiro.

Florianópolis, Santa Catarina.